sexta-feira, agosto 26, 2005

Sim... odeio... julgamento, hipocrisia, interesses...

Euforia, embriaguez: desejos superficiais, falsos, covardes...

Somos todos miseráveis, todos incapazes, todos mentirosos.

Assim a vida prossegue, se enganando e ao mundo a cada momento que se passa. Se tem que ser assim, que seja: mas me deixa...