sexta-feira, janeiro 23, 2009

Maybe

Sabe mesmo?
O que houve com os sonhos, o que houve?
Sabe!
O mundo sonha, mas não são sonhos saudáveis. Talvez venha dessa nuvem estranha.
E para se fazer entender usam o que lhes deram até então, mas como saber limitando-se?
É preciso andar com as próprias pernas, mas qual são as minhas?

Amor, escute-me, pense em mim, mas não me limite a ti, ao seu jeito de amar.

É precioso o sentir, é preciso as vezes se redimir. É preciso as vezes tocar profundamente na ferida que mais doe, arrancá-la e respirar sem ter sempre algo no escuro.

Vou indo agora, talvez já tenha até chegado, mas o que importa mesmo é andar.