segunda-feira, fevereiro 11, 2008

Ir

Caminhos oportunos, longas estradas sem definições.
Eu não sei por onde o mundo vai, vou fazendo minha trilha a pé. A procura do melhor lugar para acampar.
Ao passar dos dias me mandar de novo para outro lugar.
Aventurar minha vida pacata demais, por tantos lugares a conhecer. Minha vontade não fica por aqui.
Ai vem um sopro no canto do ouvido, vai!